Qual a diferença entre Rinomodelação e Rinoplastia

Qual a diferença entre Rinomodelação e Rinoplastia

A Rinoplastia é uma cirurgia plástica e a Rinomodelação trata-se de um procedimento minimamente invasivo, preenchimento com ácido hialurônico, e ambos são voltados para a correção de alterações do nariz. Cada uma das técnicas possui suas particularidades e são indicados para casos diferentes. Entender melhor e tomar a decisão de optar por um ou por outro procedimento faz toda diferença.

A Rinomodelação tem o mesmo objetivo estético da Rinoplastia, que é a correção estética do nariz do paciente, mas funciona de uma forma muito diferente. Portanto não corrige alterações funcionais. Nesse caso, o processo não é cirúrgico, ou seja, sem bisturis, apenas com anestesia tópica, quando necessário e aplicação com agulhas e seringas.

Durante o procedimento, o médico injetará o ácido hialurônico em pontos específicos, permitindo uma correção imediata da anatomia do nariz.

Não existem variações para a Rinomodelação. As aplicações são feitas pelo cirurgião e o ácido hialurônico é um produto natural do nosso organismo. Esse é um procedimento completamente estético, não aplicável para correção de disfunções funcionais, como o caso de problemas respiratórios.

O resultado não é definitivo e dura cerca de 12 a 18 meses, funciona como um teste drive para saber como ficará seu nariz. Após esse período você pode renovar a aplicação ou fazer uma Rinoplastia definitiva.

A cirurgia de Rinoplastia, por sua vez, também pode ser indicada para a correção dessas mesmas imperfeições quando o grau em que elas se apresentam é maior e a Rinomodelação não seria suficiente.

Além disso, a cirurgia costuma ser mais indicada para pessoas que apresentam queixas sobre o tamanho geral do nariz, a largura do osso dorsal e problemas respiratórios devido à estrutura nasal, além de imperfeições causadas por acidentes ou cirurgias anteriores malsucedidas.

Ambas as técnicas são recomendadas para pacientes que já têm a face completamente desenvolvida, o que costuma acontecer nos anos finais da adolescência – embora isso só possa ser constatado em uma avaliação presencial com o cirurgião plástico.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *